Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub
sozinhosozinho | adj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

so·zi·nho so·zi·nho
(só + -zinho)
adjectivo
adjetivo

1. Absolutamente só.

2. Sem par ou outro do mesmo género. = ÚNICO

3. Sem apoio ou companhia. = ABANDONADO

4. Que passa muito tempo sem companhia (ex.: é uma pessoa muito sozinha).

5. Sem intervenção de ninguém (ex.: o quadro caiu sozinho).

6. Apenas com a companhia de outra pessoa (ex.: deixaram-nos sozinhos; pediu para ficar sozinha com ele).

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "sozinho" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Plural de adjectivos compostos: como se diz - olhos verdes-claros, olhos verde-claros ou olhos verdes-claro? As opiniões divergem muito mas pela lógica (e também pela quantidade de falantes de português que assim o dizem) seria: olhos verdes, olhos claros, logo olhos verdes-claros (os adjectivos têm que concordar com os nomes não é assim?).
De acordo com a Nova Gramática do Português Contemporâneo, de Lindley Cintra e Celso Cunha, nos adjectivos compostos apenas o segundo elemento varia em género e número. Assim sendo, o plural do adjectivo verde-claro deverá ser verde-claros (ex.: olhos verde-claros), tal como o plural do adjectivo azul-escuro deverá ser azul-escuros (ex.: saias azul-escuras). São excepção à regra acima a palavra surdo-mudo, cuja flexão é aplicada em ambos os elementos (surdos-mudos, surda-muda, surdos-mudos) e os adjectivos referentes a cores quando o segundo elemento é um substantivo (ex.: saia amarelo-ouro / saias amarelo-ouro). É ainda de salientar que as indicações acima não se aplicam quando se trata de um substantivo composto, pois nesse caso o plural é formado aplicando a flexão em ambos os elementos (ex.: o pintor usou vários verdes-claros).

Esta é, em geral, a regra preconizada pelas obras de referência da língua portuguesa que fazem o registo do plural das palavras compostas, nomeadamente o Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo Gonçalves, o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa e o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa.



Jogos paralímpicos está correcto? Se os jogos são olímpicos, porque surgiram em Olímpia, na Grécia, não se deveriam chamar Jogos Paraolímpicos ou Para-olímpicos? Está correcto este esquecimento da letra o? O comité internacional usa paralympic, mas isso é na língua deles (inglês). Os brasileiros e os italianos usam paraolimpico. Os espanhóis agora também andam a usar paralimpicos. Estaremos a seguir a mania dos espanhóis ou dos ingleses?
As formas paraolímpico e paralímpico encontram-se ambas registadas em vários dicionários de língua portuguesa e nenhuma delas pode ser considerada incorrecta.

A forma preferencial deverá ser paraolímpico, pois será mais consensual a junção do prefixo para- à palavra olímpico. Neste caso, não há uso de hífen porque o prefixo para- não deve ser seguido de hífen (ex.: paraestatal, parassíntese, paratexto), excepto se a palavra a que se junta começar pela letra h ou pela vogal a (a mesma vogal em que termina o prefixo).

A variante paralímpico pode ser justificável quer pela influência da forma inglesa paralympic, quer por um processo de síncope, comum em português, que consiste na eliminação de um fonema no interior de uma palavra (para- + [o]límpico).

A forma para-olímpico encontra-se apenas registada no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa e não está de acordo com o uso do hífen com o prefixo para- nas principais obras de referência (por exemplo, no Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa, de Rebelo Gonçalves).

Estas indicações não sofrem qualquer alteração com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990.

pub

Palavra do dia

fun·cha·len·se fun·cha·len·se
(Funchal, topónimo + -ense)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Relativo à cidade ou ao concelho do Funchal, no arquipélago da Madeira.

substantivo de dois géneros

2. Natural da cidade do Funchal.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/sozinho [consultado em 21-08-2018]